Mapa e Bússola

Mapa e Bússola

Por Luiz Leite

A vida é um mar, um oceano, uma selva… é vasta, vastíssima! Por essa razão é muito comum perder-se nela. Na verdade a proporção dos homens que se sentem perdidos é absolutamente maior do que aquela daqueles que se dão por “achados”…

Nos tempos em que eu me dedicava mais à poesia e sonhava em viver da pena e ofício impossível de poeta, escrevi um poema que dizia:

“Eu vi o balé das sombras

No passo incerto dos ébrios

Enquanto a noite ia alta

E a cidade dormia

Vi homens sem ter um norte

Vagando ao sabor das ondas

Qual náufragos à deriva

Nos oceanos do tédio…”

Ficaremos sem dúvida perdidos, sem ter um norte, quando nos faltar uma bússola, um mapa. O drama de não saber onde se está e para onde se vai, é suficiente para gerar angústia farta para uma vida inteira!

As Escrituras funcionam como aquelas duas ferramentas fundamentais para aquele que precisa se achar. A Bíblia é bússola. É mapa. Mapas e bússolas são imprescindíveis a qualquer navegador. Cada um desses instrumentos tem função específica. O mapa serve para nos localizar. Nos diz onde estamos. A bússola por sua vez serve para nos orientar, para nos nortear. Mostra a direção a tomar.

Jesus, observando a profunda ignorância dos seus contemporâneos, disse: “Errais não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus” (Mt 22.29) O verbo errar aí, no grego (planao), dentre outras acepções, significa também: “perder o caminho”.

É apenas óbvio que erraremos, nos perderemos, daremos volta em círculos, desperdiçaremos tempo e energia preciosos se insistirmos em prosseguir sem estarmos munidos de mapa e bússola. Os nossos esforços para sair dessa selva imensa vão resultar infrutíferos.

Não subestimemos pois a Bíblia. Como disse S. Jerônimo: “Ignoratio Scripturarum, Ignoratio Christi est”. O ponto de encontro entre o homem e o Verbo é a Escritura. Jesus disse, “(…) são elas que de mim testificam”.

A Bíblia tem informações que nos poderão salvar, se as acatarmos, é claro. Estudá-la é imensamente interessante. Eu disse estudá-la! A leitura casual da Bíblia pouco poderá produzir em termos de conhecimento, e a revolução que o conhecimento da mesma poderia acarretar permanecerá sufocada pelas forças reacionárias da alma. Na superfície, fica-se à mercê de medos infundados e tende-se à preconceitos de toda sorte…

Estude-a com real interesse e prossiga. Ela te apontará as melhores soluções quando voce se vir perdido no emaranhado de complicadas situações que envolvem o homem no dia a dia. Boa leitura!


Anúncios

Sola Scriptura

Sola Scriptura!

Por Luiz C Leite

Todas as vezes que os homens relativizaram a Escritura Sagrada, e deixaram-se impressionar por manifestações “espirituais”, calcando sua fé sobre experiências místicas, sem o embasamento bíblico, acabaram errando e errando feio…

Errais – disse Jesus – não conhecendo as Escrituras e nem o poder de Deus! A ordem aí não é despropositada. As Escrituras devem estar em primeiro lugar. São elas que devem ditar as regras e nada mais… Sola Scriptura! Amo a frase de Lutero que diz:

A igreja não deve determinar o que as Escrituras ensinam, pelo contrário, as Escrituras é que devem determinar o que a Igreja ensina!”

Os fariseus erraram ao se desviarem da “Scriptura”, a igreja Romana errou, e a Protestante vai fazendo o mesmo! Sempre que fazemos “adendos” à Escritura, distorcemos a verdade bíblica e inventamos pretextos que justifiquem nossas conveniências… É gritante em nossos dias a necessidade de uma nova reforma. Que Deus nos envie outro cataclisma como Lutero!

Fiz uma aliança com Deus: que Ele não me mande visões, nem sonhos, nem mesmo anjos. Estou satisfeito com o dom das Escrituras Sagradas, que me dão instrução abundante e tudo o que preciso conhecer tanto para esta vida quanto para o que há de vir.” (Martinho Lutero)