Roubados!

Por Luiz Leite

O Brasil é muito bom! Sem dúvida, é um país fantástico para se viver, apesar de todas as suas mazelas. Pagamos, entretanto, muito caro para viver aqui. O custo Brasil (expressão que denuncia a ineficiência brasileira na área de infraestrutura e logística) está entre os mais altos do mundo. Parte deste custo é justificável, mas grande parcela é produto da ganância do Estado. Em se tratando de ganância, para se ter uma idéia, enquanto nos EUA a participação dos tributos no preço final do veículo é de apenas 6%, no Brasil a cifra sobe para 30%!

No Brasil, a revolução no consumo está ocorrendo de maneira mais agressiva do que em outros lugares”. Isto disse o consultor Henry Manson à revista Isto É, em boa matéria sobre o consumo no país. Essa “maneira agressiva” com que os brasileiros estão comprando revela o óbvio deslumbramento de um batalhão enorme de pessoas que ficou privado por tantos  anos do sedutor e perigoso “prazer” de ir às compras.

Que o brasileiro é vaidoso sabe bem aqueles que já tiveram a oportunidade de conviver com outros povos para colher os elementos básicos necessários à comparação. A frase do consultor me incomoda. O comportamento voraz do consumidor revela uma atitude conformista e absolutamente passiva do brasileiro em relação aos preços extorsivos praticados por aqui.

Foi matéria de capa da Veja dia desses que o Brasil tem o Iphone mais caro do mundo! Mas não é apenas o brinquedinho da Apple que chama a atenção. Inúmeros outros artigos são excessivamente caros!  O que justifica que paguemos por um UNO, em dólar, o preço de um Honda Civic na Europa?

Quarto maior mercado consumidor de automóveis do mundo, o Brasil pratica preços impraticáveis. O consumidor deslumbrado paga feliz!. Para exemplo, um Honda City, fabricado em Sumaré, interior de São Paulo, exportado para o México, paga frete, e demais custos de exportação. O consumidor mexicano paga por esse carro o equivalente a R$ 25.800,00 enquanto nós os brasileiros pagamos R$ 56.210,00 pelo mesmo modelo!

Fanfarrão passivo, em muitos casos desinformado, o brasileiro, sem conhecimento de direitos, do Direito, é lesado descaradamente. Dia desses fui conversar com um advogado sobre revisão de financiamento de veículos e descobri, para meu espanto, que os juros praticados são abusivos ao extremo. A impressão que se tem é que estamos sendo roubados. Ao mesmo tempo que nos encanta com sua beleza ímpar, o Brasil também nos fura os olhos! Temos razões de sobra para ficar indignados, afinal os olhos são nossos!

Anúncios

5 comentários sobre “Roubados!

  1. “Temos razões de sobra para ficar indignados, afinal os olhos são nossos!”

    Como dói! Quando entramos em alguma dívida ‘a longo prazo’, e queremos refinanciar, pagamos ainda mais caro por isso. A boa intenção não conta! O assalto vem com um sorriso largo, e na maioria das vezes, abrimos a porta para o ladrão amável! Assim, somos roubados pela segunda vez, no mesmo produto.
    Mesmo medindo a água e o fuba, como diz os antigos, na economia doméstica, as vezes ainda ‘aventuramos’ no mercado de maravilhas! O angu engrossa, além da conta. É necessário repensar nossos conceitos como ‘consumistas’, e não contribuir com a política dos ‘saqueadores’.
    Gd abraço.

  2. Excelente comentário Sueli! Infelizmente nossa capacidade de indignação é muito estreita… até quando continuaremos roubados e sorrindo?!

  3. gostei
    precisamos aprender a dar valor o nosso dinheiro , juntar e economisar para comprar avista . todo ano eu passo o ano inteiro pagando prestações juros alto .

  4. É verdade caro hamilton, precisamos aprender a dar valor ao nosso dinheiro ao invés De entregá-lo docemente nas måos dos roubadores!

  5. belo post,vejo que a maior causa disto é a alienação do povo brasileiro sobre isso,parece que o povo brasileiro só se mobiliza para protestar quando determinado time de futebol perde!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s