Prepare-se para a tormenta

Prepare-se para a tormenta

Por Luiz Leite

Aqui em Belo Horizonte o primeiro pé d’água da temporada chegou “de com força” como diz o mineiro… Depois de meses sem chuva, é óbvio que a alegria do reencontro foi grande; A celebração, entretanto, durou pouco pois um “apagão” deixou a cidade no escuro, prenunciando, como um mal agouro, a crônica funesta de todos os anos. Pensei: Se a rede caiu com esse pequeno ensaio, o que acontecerá quando o “show” começar pra valer?

A bela Friburgo, que mal se recobrou do golpe da catástrofe de memória recente já aparecia no noticiário mostrando regiões do centro completamente alagadas. De novo não! Um “especialista” apontava uma das razões das inundações, que se traduz como uma das características do povo dessa terra: Bueiros entupidos. Tanto na cidade como na alma, “bueiros entupidos” são sinônimo de problema! Se deixarmos o “lixo” acumular, seja ele físico ou emocional, estaremos vulneráveis e o sinal dessa vulnerabilidade será conhecido no primeiro temporal.

A negligência no preparo, não importa a área, é erro grave. Falhar em preparar-se é preparar-se para falhar! Pouco adianta tentar resolver a crise no meio da crise! Ou voce se prepara para os dias maus ou lamenta nos dias maus! A maioria das pessoas, quando atingidas pelo turbilhão,  se desgasta triste e pateticamente tentando gerenciar o caos. Ninguém pode se preparar para a tempestade na tempestade. Obras emergenciais são puramente paliativas. Não resolvem o problema. Revelam displicência.

Se voce está passando por uma fase de turbulência e reconhece que não se preparou, tenha a humildade de reconhecer, confessando a Deus sua falta. O Eterno, que é misericordioso, há de te dar forças para passar pela crise. Corra para o altar, lugar de renovo e esperança. Se por outro lado voce está vivendo um momento tranquilo, não cometa o erro de relaxar tanto a ponto de descuidar-se. Não cometa o erro proverbial dos Jebuseus quando souberam que Davi fazia planos para tomar Jerusalém (II sm 5.6). Não subestime o adversário, cheque suas defesas, observe o inimigo e seus movimentos, tome providências, lembrando que a palavra providencia, do latim providere, significa, literalmente, “ver a uma distância”, com antecedência!

O velho e bom Noé nos apresenta ótimas lições com respeito ao assunto aqui tratado. Construiu o barco antes que a chuva chegasse, foi criterioso, seguindo minuciosamente o plano de construção da sua arca, não deu ouvidos aos críticos e possíveis zombadores, tomou precauções antes da prova e por fim sobreviveu ao grande cataclisma, ao passo que aqueles que não se prepararam foram tragados pela voragem das águas. E voce? Está preparado? Esta se preparando?

Anúncios

6 comentários sobre “Prepare-se para a tormenta

  1. Sabias palavras Pastor.
    Adoro a Deus por cada palavra porque estava precisando exatamente disso neste dia.
    Deus continue te usando .
    Ótimo dia pra você.
    Lídia

  2. “falhar em preparar-se é preparar-se para falhar!”
    Palavra providencial! Lembrando também aqui, das cinco virgens néscias, o noivo chegou e não tinham azeite… Deus está despertando a igreja através dos anjos levantados por Ele; Você é um deles! A peleja é diária, e satanás tenta nos distrair, mas essa luta terá seu fim… E o Espírito Santo está conosco na batalha. Essa vitória, Nele, é para sempre! Trabalhar é preciso, antes que chegue o grande dia. Que a prudência seja nosso par constante e o azeite possa estar sempre sobre a nossa cabeça. Esforcemo-nos, não somente para estarmos munidos em tempos de adversidades, mas também para alcançarmos tudo o que Ele reservou para nós, escreveu para nós, e depois, vivermos com Ele na eternidade!
    Grande abraço.
    sueli cunha

  3. Pastor realmente nós precisamos despertar para essa Palavra ! O fato é que muitos de nós, nos acomodamos na fé, na vida Cristã, e quando então chega a tempestade estamos totalmente despreparados para enfrentá-la. Falo isso por experiência própria. rs Glória a Deus pela Sua misericórdia que se renova a cada nova manhã ! Lendo esse texto, me recordei da pregação sua (que tenho no computador). Fala dos fins dos tempos ( o texto base é Mateus 24), que Jesus Cristo está voltando !
    Em mateus, nesse mesmo capítulo está escrito : “Ficai porém cientes de uma coisa: Se o pai de família soubesse a hora da noite em que o ladrão haveria de vir, sem dúvida que estaria vigilante e não deixaria que lhe arrombassem a casa.” Portanto a vida cristã requer constante vigilância, preparação !
    – Assim acontece em “nosso dia a dia natural”, existem pessoas que “mesmo com o céu ensolarado” sempre carrega dentro da bolsa, do carro, um guarda- chuva. Não importa se é dia ou noite, independente do clima “vísivel”… mesmo que não haja nenhuma possibilidade de chover, ainda sim continua “lado-a-lado com o guarda-chuva”. Como diz um ditado popular : ” é melhor prevenir-se do que remediar”… No entanto existem aquelas que abre a janela do quarto e olha para o céu, se estiver com “cara” de que vai chover, pega o guarda-chuva, caso contrário deixa-o no guarda roupa. Essas duas pessoas saem para trabalhar, mas “resolveu” chover. A que estava prevenida chegou seca ao trabalho, ao contrário da outra que “talvez” teve que voltar para casa para trocar de roupa. rs
    Essa ilustração “básica” pode ilustrar como deve ser a nossa vida cristã. Não podemos confiar “clima espiritual” … precisamos estar atentos !!!

    saudades, Pastor Luiz.
    Ovelhinha, Pri.

  4. É verdade minha cara pregadora! precisamos estar atentos… O “clima” pode mudar a qualquer momento.
    Abraço.

  5. gostei do final do velho NOE a quem DEUS deu uma ordem; Havia uma crise naqueles tempos, crise do carater, do amor, respeito, hoje não é muito diferente. A ordem era construir uma arca. As crises estão ai. A igreja é a grande arca . Sendo criticada como naqueles dias . O chamado é o mesmo . Não podemos ser surdos como os homens daqueles tempos; precisamos trabalhar nesta grande empreitad, prepararando no espirito e no natural.

  6. Realmente, como tudo que foi escrito faz sentido, esse post me lembra palavras como comodismo e procrastinação. Não queremos ter trabalho e planejar dá trabalho.
    Estamos acostumados a resolver os problemas e não evitá-los ou simplesmente fingir que eles não acontecerão e deixarmos sermos pegos de “surpresa”.
    Nossa mente parece ter sido moldada, a este pobre estilo de vida.

    “falhar em preparar-se é preparar-se para falhar!” Bom muito bom!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s