Mapa e Bússola

Mapa e Bússola

Por Luiz Leite

A vida é um mar, um oceano, uma selva… é vasta, vastíssima! Por essa razão é muito comum perder-se nela. Na verdade a proporção dos homens que se sentem perdidos é absolutamente maior do que aquela daqueles que se dão por “achados”…

Nos tempos em que eu me dedicava mais à poesia e sonhava em viver da pena e ofício impossível de poeta, escrevi um poema que dizia:

“Eu vi o balé das sombras

No passo incerto dos ébrios

Enquanto a noite ia alta

E a cidade dormia

Vi homens sem ter um norte

Vagando ao sabor das ondas

Qual náufragos à deriva

Nos oceanos do tédio…”

Ficaremos sem dúvida perdidos, sem ter um norte, quando nos faltar uma bússola, um mapa. O drama de não saber onde se está e para onde se vai, é suficiente para gerar angústia farta para uma vida inteira!

As Escrituras funcionam como aquelas duas ferramentas fundamentais para aquele que precisa se achar. A Bíblia é bússola. É mapa. Mapas e bússolas são imprescindíveis a qualquer navegador. Cada um desses instrumentos tem função específica. O mapa serve para nos localizar. Nos diz onde estamos. A bússola por sua vez serve para nos orientar, para nos nortear. Mostra a direção a tomar.

Jesus, observando a profunda ignorância dos seus contemporâneos, disse: “Errais não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus” (Mt 22.29) O verbo errar aí, no grego (planao), dentre outras acepções, significa também: “perder o caminho”.

É apenas óbvio que erraremos, nos perderemos, daremos volta em círculos, desperdiçaremos tempo e energia preciosos se insistirmos em prosseguir sem estarmos munidos de mapa e bússola. Os nossos esforços para sair dessa selva imensa vão resultar infrutíferos.

Não subestimemos pois a Bíblia. Como disse S. Jerônimo: “Ignoratio Scripturarum, Ignoratio Christi est”. O ponto de encontro entre o homem e o Verbo é a Escritura. Jesus disse, “(…) são elas que de mim testificam”.

A Bíblia tem informações que nos poderão salvar, se as acatarmos, é claro. Estudá-la é imensamente interessante. Eu disse estudá-la! A leitura casual da Bíblia pouco poderá produzir em termos de conhecimento, e a revolução que o conhecimento da mesma poderia acarretar permanecerá sufocada pelas forças reacionárias da alma. Na superfície, fica-se à mercê de medos infundados e tende-se à preconceitos de toda sorte…

Estude-a com real interesse e prossiga. Ela te apontará as melhores soluções quando voce se vir perdido no emaranhado de complicadas situações que envolvem o homem no dia a dia. Boa leitura!


Anúncios

4 comentários sobre “Mapa e Bússola

  1. Paulo Kattah disse:

    Amém,gostei muito desse paralelo entre a bússola, o mapa, e a direçâo de Deus pra nós.Tem um detalhe que eu acho interessante e que eu gostaria de comentar.Quando a bússola não está muito bem aferida ela pode nos levar à lugares incertos,e creio que essa falta de aferição pode ser comparada à falta de entendimento na leitura da Palavra.Se buscarmos mantê-la sempre aferida e confiarmos na indicação que ela nos dá ,ainda que os ventos e os tremores tentem nos levar para outro lugar,se colocarmos o cabo da nau de nosso barco nas mãos de Cristo tudo ficará bem.Pois como diz a música:”Com Cristo no barco tudo vai muito bem,vai muito bem,vai muito bem…” Outra coisa interessante na navegação é a declinação magnética que é variável de lugar para lugar,e que se não for levada em conta também nos levará ao erro.Essa variação é maior nos pólos e na nossa região é em torno de 20 graus Oeste,creio que isso também possa representar a importância dos detalhes da Palavra de Deus.Se neglicenciamos,erramos,se omitimos,erramos,se distorcemos,erramos, se acrescentamos,erramos,sejamos simples para que a simplicidade do Evangelho possa nos alcançar.

    Um abraço Pr.Luiz

  2. donizeti garcia disse:

    A Bíblia diz: Conhecereis a verdade, e a verdade o libertará.
    Eu creio que esta palavra não só nos leva a entender na questão de liberação de uma vida de pecado, mas a termos uma vida colocada no caminho certo, colocando os nossos pés no rumo e os nossos olhos no horizonte.
    A Bíblia é como a luz de um farol, mesmo distante, se nós não a perdermos de vista não chegaremos ao nalfragio, e o nosso barco alcançará o porto seguro.

  3. luiz leite disse:

    É Verdade Pr Donizetti! Com os pés no rumo certo prossigamos de olho no FAROL!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s